fbpx

Governo investiu mais de R$250 milhões na cultura fluminense em 2021

Secretaria de Cultura e Economia Criativa intensifica patrocínio a projetos no interior do estado


A Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro (Sececrj) investiu mais de R$250 milhões na cultura fluminense em 2021. A busca pela democratização do acesso aos recursos da pasta norteou o trabalho ao longo do ano, tendo como objetivo auxiliar o setor durante o momento de retomada das ações em todo o estado. Apenas através da Lei de Incentivo à Cultura (LIC), 94 projetos de diferentes segmentos foram patrocinados, somando um investimento de quase R$140 milhões, valor que supera 2020 em 41,4%.

“Após um 2020 muito difícil, com diversas atividades paralisadas por causa da pandemia da Covid-19, ajudar, em 2021, um dos segmentos que mais tem a cara do estado foi um grande acerto do Governo do Estado. Impulsionadas pelo avanço da vacinação, as ações puderam retornar aos palcos. Por isso, o fomento à cultura se fez mais que necessário, principalmente no interior fluminense. Para o ano que vem, os investimentos seguirão para que possamos dar continuidade às iniciativas culturais fluminenses”, disse o governador Cláudio Castro.

Governador Cláudio Castro e secretária Danielle Barros durante anúncio do Pacto Cultural / Foto: Leonardo Ferraz

A evolução em relação ao ano anterior também pode ser observada na divisão dos projetos por região. Em 2020, 58% destes foram realizados na capital e 42%, no interior. Já neste ano, os números ficaram em 32% e 68% respectivamente, com o interior ultrapassando a capital.

“Atingimos um feito inédito: a Sececrj respeitou integralmente o Sistema Estadual de Cultura, que indica o investimento de pelo menos 60% dos recursos da LIC ao interior. Esse objetivo só foi alcançado graças à dedicação de toda a equipe. Trabalhamos com muita transparência para universalizar o acesso à cultura no Rio de Janeiro”, ressalta a Secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa, Danielle Barros.

Muitos editais também fizeram parte do plano de fomento da Sececrj e auxiliaram os fazedores de cultura durante a retomada das atividades. Através do Pacto Cultural RJ, cinco diferentes chamadas públicas foram realizadas, premiando mais de quatro mil projetos em todas as regiões do estado, com investimento total de R$75 milhões. O cronograma conta com editais inéditos dentro do Rio de Janeiro, como o Povos Tradicionais e o Cultura Inclusiva nas Redes, ambos com inscrições abertas.

Apresentação do edital Cultura Inclusiva nas Redes durante o Pacto Cultural / Foto: Leonardo Ferraz

Além disso, em novembro, foi assinado um Acordo de Cooperação Técnica entre a instituição a UERJ e a Sececrj para realização do Programa de Fortalecimento do Artesanato Fluminense. Projetado nos princípios da economia criativa, o programa garante R$15 milhões de investimento ao setor de artesanato, com foco no fomento local, empreendedorismo e marketing.

Já no início do ano, como medida para atender o setor carnavalesco, tão atingido pela pandemia, foi lançado o Carnaval nas Redes RJ – programa que garantiu R$3,8 milhões por meio dos editais Não Deixa O Samba Morrer e Bloco Nas Redes RJ. As chamadas premiaram atividades carnavalescas na internet, como escolha de sambas-enredos e apresentações musicais de blocos de carnaval.

A Sececrj também pretende deixar um legado no interior do estado para a população fluminense. Através do projeto Cinema na Cidade, estão sendo construídos seis complexos audiovisuais em Cordeiro, Miracema, São Fidélis, São Pedro da Aldeia, Bom Jardim e Mendes, com valor total de R$25 milhões. O programa vai levar o cinema a municípios de pequeno e médio porte (entre 20 mil e 100 mil habitantes) que não contam com salas comerciais.

Editais – Inscrições abertas

Confira abaixo, o calendário dos editais que ainda estão com inscrições abertas:

Povos Tradicionais Presentes RJ

  • Investimento de R$6 milhões para projetos de manifestações culturais de povos tradicionais em todo estado do Rio.
  • Inscrições até 04/01

Cultura Inclusiva Nas Redes

  • Edital inédito no estado vai premiar 300 projetos de pessoas com deficiência em um investimento total de R$1,5 milhão.
  • Inscrições até 17/01

ExpoMIS – Cultura Educação e Memória

  • Com investimento de R$500 mil, o edital inédito do MIS Rio está dividido em duas categorias. Categoria A, voltada para a ocupação do mezanino do MIS Lapa e Categoria B, com projetos para circulação apoiados do acervo do Museu.
  • Inscrições até 17/01

Municipal Em Cena

  • Investimento de R$3,2 milhões para contemplar 40 projetos, com incentivo de 80 mil para cada, para fazer ocupação artística do Theatro Municipal.
  • Inscrições até 25/01.